1 comentário:
De Sônia a 22 de Novembro de 2009 às 13:48
É muito triste sua história.
Eu morreria por um filho e sei como se sente.

Que Deus tenha piedade de tí e te console todos os dias.


Comentar post